Empresas do buy side com foco em especialização e o impacto nos dados

Ao ajudar gestores de ativos alcançar seus objetivos operacionais em todo o mundo, a Bloomberg identificou quatro trajetórias que a maioria das empresas do buy-side seguem na transformação de tecnologia e dados: Especialização, Expansão, Consolidação front-to-middle e Alinhamento de toda a empresa. Algumas empresas precisam de apenas uma trajetória para alcançar seus objetivos, enquanto outras precisam de várias opções para acompanhar a evolução das metas.

Na trajetória com foco em especialização, o gestor de ativos é especializado em uma determinada estratégia, buscando agilidade como o foco principal do TOM, mas precisa atualizar os sistemas de tecnologia para suportar o rápido crescimento.

Mais sobre a trajetória do buy side para o modelo operacional do futuro? Entre em contato conosco

Ponto de partida

Gestores de ativos de médio porte ou hedge funds que assumiram uma estratégia de investimento líder de mercado, muitas vezes deparam-se com uma difícil decisão ao considerar metas de transformação: dimensão, especialização ou ambos.

Desafios

Investidores recompensam empresas focadas em especialização, não só por seu desempenho, mas também por suas filosofias de investimento. Por esse motivo, empresas focadas em especialização precisam manter-se ágeis para aproveitar, rapidamente, de oportunidades de mercado em todas as classes de ativos e cumprir as necessidades regulatórias progressivas, enquanto se expandem. Historicamente, empresas especializadas podem equipar sua organização com vários fornecedores de tecnologia, cada um para uma função específica — negociação, compliance e gestão de portfólio, por exemplo. Como resultado, a centralização de dados é comprometida, impedindo assim análises avançadas. Além disso, conforme o mix de ativos da empresa especializada é ampliado, os decisores devem reconciliar wokflows existentes para poder sustentar sua agilidade e vantagem competitiva.

Avanço da trajetória

Muitas empresas especializadas focam em efetuar upgrades rápidos e direcionados, acelerando sua capacidade em aceitar novas estratégias e tecnologias de agilização de workflow com mínima interrupção de negócios. Para estes gestores de ativos, uma solução hospedada pode ser a forma mais rentável para implementar inovações — como aprendizagem automática para melhor informar as tomadas de decisões — e reduzir a responsabilidade de manutenção do sistema. A consolidação de parcerias de tecnologia pode trazer valor e serviço ideal, mantendo sistemas conectados e atualizados, conforme necessidades de evolução ao longo do tempo.

Saiba mais sobre os outros caminhos para a transformação de dados do buy-side:

Agende uma demo.