Reformas perdem fôlego e enfrentam janela política mais apertada

O andamento da agenda pós-reforma da Previdência do governo Jair Bolsonaro desacelerou e caminha rumo a mudanças menos grandiosas do que as pretendidas pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

Economia

A saída para uma economia global endividada? Mais dívida

Uma década de crédito fácil injetou um recorde de US$ 250 trilhões em dívidas contraídas por governos, empresas e consumidores. O volume é quase o triplo do PIB global e equivale a cerca de US$ 32,5 mil para cada indivíduo no planeta.

Economia

Economia global desliza com dados fracos na China e Alemanha

A vulnerabilidade do crescimento global às disputas comerciais e a dependência do momentum dos Estados Unidos foram expostas: as maiores economias da Ásia perderam força, enquanto a Alemanha escapou por pouco de uma recessão.

Economia

Governo tem janela curta para aprovar reformas fiscais

O presidente Jair Bolsonaro pode ter um prazo de apenas oito meses para fazer avançar no Congresso sua agenda de reformas pós-Previdência.

Economia

Fluxo externo negativo para ações do Brasil ganha força

Vendas externas de ações do Brasil aceleraram na última semana com o índice nacional acionário subindo e o real estável.

Ações
Agende uma demo.

Mercado brasileiro escapa de turbulência na América Latina

Apesar dos obstáculos no cenário político e a economia ainda estagnada, o Brasil se destaca como uma improvável ilha de estabilidade para investidores diante da atual turbulência na América Latina.

Economia

Análise: Os fatores que podem resgatar o BC mais dovish em 2020

Para que a taxa básica caia abaixo de 4%, como previa uma parte do mercado, precisará haver uma inesperada frustração com o crescimento econômico. 

Economia

Bancos divergem sobre o limite da Selic após Copom mais hawkish

Sinalização ligeiramente mais hawkish do Banco Central, indicando possível redução no ritmo de corte a partir de 2020, parece ampliar a divergência nas expectativas para até onde a Selic pode cair.

Economia

Templeton quer lançar fundo de crédito de fintechs no Brasil

A Franklin Templeton decidiu apostar no mercado de startups financeiras em meio ao cenário de juros baixos e expectativa de retomada econômica.

Economia

Investidores aceleram venda de ações dos EUA, diz Goldman

Investidores estão fazendo saques dos fundos de ações dos Estados Unidos no maior ritmo desde 2008 quando comparados à alocação em dinheiro e títulos.

Ações